Economia na base da porcaria

Postado em: 6 de dezembro de 2011

Amanhã quero ir trabalhar de vestido.

Meu vestidinho rosa, lindinho, que só usei uma vez na vida.

Amanhá será o grande dia pra ele sair de casa outra vez.

Até aí tudo bem. Tudo bem se minhas pernas fossem de Sherom Stones.

Mas não! As minhas estão mais pra de urso polar, se é que você me entende. Perna de urso polar é muculosa e torneada? Se for, pula essa parte ao pensar nas minhas.

Então, para poder exibi-las amanhã tive que montar uma estratégia afim de abandonar ao menos uma das caracterísca de urso polar.

Fui até a farmácia e vim armada de um pote de cera. Não comprei da fria pq já foi comprovado científicamente pela minha pessoa que nas pernas da Bibi tirinhas de cera fria não tem grande sucesso.

Cheguei aqui, depois das 22h e comecei os trabalhos.

Coloquei o pote no microondas o tempo recomendado no pote: 1 minuto. Nada aconteceu, coloquei por mais 5 minutos.

Aí começava a primeira parte da tragédia: a cera é claro, derretou completamente, ferveu e derramou de maneira extraordinária.

Depois disso me pus a retirar a cera que estava lindamente esparramada no prato do forno e passar nas pernas da ursa.

Não posso imaginar o que faria se as perna fossem suas, pq sendo dessa que digita nesse momento fiz um estrago de dar medo.

Confesso que lutei, me esforcei, tentei mais de uma maneira, mas a cera maravilhosa em que investi dinheiro suficiente para comprar quase três caixas de chocolates, tá só fazendo carinho nos cabelinhos.

Ai que raiva!

Passo a cera quente, sopro, sinto queimar e tiro. Vem sem nada minha gente!

Uma luta.

Agora nesse momento to que é pura cera. Canela, mão. Um grude só. Minha gente que luta!

Se vou usar o vestidinho lindo amanhã?

Não sei né? Fui inventar de fazer economia na base da porcaria agora to aqui parecendo uma abelha na colméia.

O forno tá encharcado, eu to grudada e ainda ursada!

Ai que raiva.

Se conseguir desgrudar minha “alma” venho te contar do livro que terminei hoje.

Beijo grudento pra você!

Aaaaa esse é o post 101! Parabéns pra nós, heróis da resistência!

Vivian.

 

 

2 Responses to "Economia na base da porcaria"

One o one. Cheers. Congrats. You are getting better everyday.

🙂 Obrigada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicações

dezembro 2011
D S T Q Q S S
« nov   jan »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Arquivo