Arquivos de Janeiro 17th, 2018

Viver em sociedade não é algo de todo fácil, é preciso aprender um tanto de coisas para se dar bem…

Já reparou que obedecer é uma questão de costume?

A gente vê isso muito em criança.

Dia desses, estava observando um bebezinho de 11 meses. O bichinho, a coisinha mais linda do mundo. Engatinhando para todos os lados e mexendo em tudo sem o menor critério.

Ele estava em uma casa que não era sua, por isso, o mundo de possibilidades para a exploração estava aberto e cheio de possibilidades mil.

Com as mãozinhas no chão, ia e vinha sem parar, a cada hora, um pouco mais longe.

De vez em quando, parava e procurava onde estava o pai que o seguia de perto.

Filtro?

Que filtro tem um menininho de 11 meses?

Nenhum.

Acompanhado de nenhuma gota de juízo.

Tudo que está ao alcance da mão é objeto mais que adequado para ser levado à boca, enfiado no nariz, no ouvido.

Seja um biscoito, o cocô do cachorro, um carroço de feijão, moeda ou bolinha de gude.

O pobrezinho ouve milhares de vezes ao longo do dia:

“Não pode! Não pode! Saia já daí.”

O pai tira do lugar de perigo e ele volta assim que se vê solto no chão novamente.

Conforme vai crescendo, começa a atender mais a voz de quem o ama.

Os filtros começam a surgir e ele, devagarzinho, começa a obedecer.

Treinando o que se faz necessário, indo, seguindo, parando, deixando de fazer.

E, assim, vai levando, para a vida afora, que existem coisas que não podem ser negociadas, precisam ser simplesmente obedecidas, como não colocar o garfo na tomada, não beber detergente, não entrar no vaso sanitário.

Coisinhas simples que aprendemos quando ainda não temos filtros.

Com o tempo, a esfera da obediência vai aumentando, vindo junto com as responsabilidades e, hoje, olhe aí você a quanta coisa precisa obedecer para se manter feliz, sem multas, em sociedade.

Misericórdia!

São muitas, muitas regras.

Mas como você aprendeu desde cedo a obedecer, o faz naturalmente e é feliz e faz o que precisa, nem sempre satisfeito, mas faz.

Por isso, meus parabéns!

Parabéns a você que é acostumado a obedecer ao que é inegociável.

Parabéns a você que, ao receber a uma ordem descabida, sabe argumentar, dialogar e se fazer entender com clareza.

Parabéns a você que sabe viver em sociedade.

 

 

 

 

 


Publicações

Janeiro 2018
D S T Q Q S S
« dez   fev »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Arquivo